Notícias

Skip Navigation LinksHome > Notícias > SINTERP/BA ENTRA EM RECESSO NA SEMANA SANTA
segunda-feira, 26 de março de 2018

SINTERP/BA ENTRA EM RECESSO NA SEMANA SANTA


O último dia de funcionamento do SINTERP/BA, na Semana Santa, será na quarta-feria (28/03), devido aos Dias Santos que antecedem à Páscoa. O sindicato retorna a suas atividades na segunda-feira (02/04) para prestar pronto atendimento a todos os trabalhadores que dele necessitem. Feliz Páscoa e que este feriado lhes traga renovação e renascimento do amor no coração de todos!

De acordo com o calendário cristão, a Páscoa consiste no encerramento da chamada Semana Santa. As comemorações referentes à Páscoa começam na "Sexta Feira Santa", onde é celebrada a crucificação de Jesus, terminando no "Domingo de Páscoa", que celebra a sua ressurreição e o primeiro aparecimento aos seus discípulos.

A Semana Santa é a última semana da Quaresma, período em que os fiéis cristãos devem permanecer por 40 dias em constante jejum e penitências.

A Páscoa é recheada de símbolos representativos, assim como quase todas as celebrações religiosas. A maioria destes símbolos, no entanto, foram sincretizados pela igreja a partir de costumes e rituais pagãos ou de outras religiões.

coelho da Páscoa, por exemplo, se tornou um dos principais símbolos desta festividade em referência as comemorações feitas pelos povos antigos durante o começo da primavera. Acreditava-se que o coelho era a representatividade da fertilidade e do ressurgimento da vida.

O ovo também é um símbolo da Páscoa, pois representa o começo da vida. Vários povos costumavam presentear os amigos com ovos, desejando-lhes a passagem para uma vida feliz. A partir deste costume, surgiram os primeiros Ovos de Páscoa.

Para os cristãos, a Páscoa simboliza a ressureição de Cristo três dias após a sua morte na cruz e por isso é considerada um fundamento da fé cristã.

Porém muitos vem a Páscoa como uma esperança viva dada por Deus ao homens e essa esperança está sempre envolvida por muitos símbolos e estão entre eles:

  • Cruz: simboliza a vitória de Jesus sobre a morte.
  • Pão e vinho: representa a vida eterna de Jesus. (em sua última ceia, Jesus ofereceu pão e vinho aos discípulos enfatizando que o pão era o seu corpo e o vinho era o seu sangue).
  • Cordeiro: simboliza Jesus Cristo por ter se sacrificado em prol do seu rebanho.
  • Óleos santos: simboliza o Espírito Santo e são representados pelos óleos sacramentais utilizados no batismo, crisma e em unções de enfermos abençoados por bispos e sacerdotes durante a Missa do Crisma que ocorre na Quinta-feira Santa.
  • Água: utilizada no Sábado Santo, simboliza a pureza e a renovação de Cristo.
  • Coelhos: símbolo da fertilidade. Está associado a capacidade que a Igreja tem de produzir novos discípulos e espalhar a mensagem de Cristo.
  • Ovos de Páscoa: simbolizam o nascimento para uma nova vida já que os cristãos do Oriente foram os primeiros a dar ovos coloridos na Páscoa com essa intenção.

Ou seja, a Páscoa é um período para agradecermos a Jesus pelo sacrificio e também para pensar em todos os nossos atos e renovar os votos perante a Deus para sermos cada vez melhores e dignos desse ato tão nobre para nos libertar e nos dar a vida


Seminário Reforma Trabalhista e Negociação Coletiva

assista o vídeo
.
.